Sexta-feira, Junho 21, 2024
spot_img
- Publicidade -spot_img

Morreu o mestre do barro negro Júlio Alonso aos 95 anos

- Publicidade -spot_img

Morreu o artesão de Barcelos Júlio Alonso. Mestre a trabalhar o “barro negro”, Júlio Alonso começou na olaria com o pai e a avó a fazer louça e só depois da reforma se dedicou ao figurado, sobretudo aos presépios.

“Júlio Alonso dedicou toda a sua vida ao ofício do artesanato, transformando a argila em verdadeiras obras de arte. As suas peças de cerâmica eram mais do que simples objetos, eram testemunhos vivos de nossa cultura e tradição, capturando a essência das nossas gentes. Despedimo-nos não apenas de um artesão talentoso, mas de um amigo querido e um verdadeiro guardião da nossa cultura. As suas criações continuarão a enriquecer as nossas vidas e a contar a história da nossa comunidade às gerações futuras”, afirma, numa nota de pesar publicada nas redes sociais, a Junta de Freguesia de Galegos Santa Maria. 

Júlio Alonso foi homenageado, em 2011, pela Câmara de Barcelos com o Prémio “Carreira”, pelos seus mais de 70 anos dedicados ao trabalho nas louças de barro negro.

(Fotografia: artepopularportuguesa/DR)

- Publicidade -spot_img
Password protection
Enter Password To Unlock This Content
The Password is: 123
Unlock content
Want to collect
more emails?
Learn 10 of the most effective list-building power mover and grow your list fast.
Download the FREE guide